segunda-feira, 28 de julho de 2008

Mata-baratas e outro mata-ratos mas todos ecológicos


Uma boa forma de usar o feijão. Chegou-me por email escrito num brasileiro delicioso. Parece ser um segredo dos criadores de pássaros.

Veneno natural para ratos - feijao cru moido.
Mudei-me há pouco e como todo paulistano, estou sendo vítima desses indesejáveis hóspedes. Pergunta daqui, pergunta dali... uma amiga me disse que feijão triturado matava ratos, mas não detalhou porque... fui pesquisar e descobri esse estudo da Universidade Federal de Pelotas. É FATO !
Como fazer: Pegue uma xícara de qualquer feijão cru (sem lavar mesmo), coloque no multiprocessador, ou liquidificador (SEM ÁGUA) e triture até virar uma farofinha bem fininha (granulado), mas sem virar totalmente pó.
Onde e como: Coloque em montinhos (uma colher de chá) nos cantos do chão, perto das portas e janelas (sim eles escalam as janelas), atrás da geladeira, atrás do fogão, atrás de tuuuuuuuuudo !
O que acontece ao ratos:
No arquivo do link consta o detalhamento técnico, mas esmiuçando em português claro...: o rato come essa farofinha, dilicia... nhami nhami... mas ele não tem como digerir o feijão (cru), por falta de substâncias que digerem feijão cru, causando assim um envenenamento natural por fermentação.Resumindo: a rataiada morre em até 3 dias.
DETALHE IMPORTANTE:
Ao contrário do que acontece com os tradicionais venenos, o rato morre e não contamina animais de estimação e por sua vez morreriam por terem comido o rato envenenado.
Leia já o 1º comentário que foi aqui publicado, para mais importantes detalhes sobre a toxicidade do feijão cru em monogástricos. Pois os poligátricos parecem ser mais resistentes.
Quanto às baratas polvilhe os cantos e outros angulos com ácido bórico.
Mais umas soluções pela Sagrada Lei do Menor Esforço;)

4 comentários:

Matias disse...

Li o artigo referente ao uso de feijão como raticidas e me chamou a atencão, o artigo e comentários,
principalmente quanto ao fato de ser colocado como raticida natural e sem perigo aos humanos e
animais domésticos. Me chamou mais a atencão a disponibilidade pública destes comentários.
Para entender melhor o assunto conversei com um dos autores do trabalho original, que se refere ao valor nutricional do feijão, o Prof. Pedro Antunes. Ele já havia lido este post e ficou chocado com as colocacões publicadas uma vez que ele não teve a intencão de mostrar efeito raticida no teste, mas sim demonstrar o efeito tóxico no produto cru e a ausência de toxicidade no produto cozido. Ficou mais constrangido ainda com o fato de estar postado que ele não é tóxico para animais domésticos e hmanos. O feijão cru é tóxico ara qualquer ser vivo,
inclusive humanos, depende da dose - TEM CONTRA INDICACÃO SIM E MUITAS.
Por isto é muito perigoso publicar assuntos que possam vir a criar mais problemas que solucões.
Na realidade os ratos não morrem por falta de alguma substância que digira o feijão e que o
envenenamento ocorra por fermentacão - envenenamento natural, mas sim pela presenca de fatores
antinutricionais no feijão, soja e outras leguminosas: Antripsina e Lectina.
A antitripsina é uma proteína que inibe diversas enzimas proteolíticas, incluindo tripsina. Uma deficiência desta proteína é a causa de uma forma rara de enfisema. Ainda pode causar hipertrofia pancreática e
alteracões metabólicas do pâncreas. A tripsina é uma enzima que atua no duodeno hidrolisando
proteínas em Aminoácidos.
As Lectinas são proteínas não imunológicas que aglutinam hemácias.
Estes efeitos deletérios acontecem principalmente em monogástricos uma vez que poligástricos são
um pouco mais resistentes aos antinutricionais.
Então o feijão cru é tóxico para qualquer monogástrico: humanos e animais.
Também é bom que se diga que este efeito de morte de um animal doméstico por comer um rato
intoxicado por raticida, como está no post, só ocorre com os raticidas agudos, principalmente à base de fluoracetato de sódio. Com os anticoagulantes isto não corre.
Informação é fundamental, mas desde que seja de forma correta.
Atenciosamente,

Ricardo Soares Matias
Médico Veterinário, MSc
Consultor em Pragas Sinantropicas
Credenciado pela Aliança Internacional de HACCP (APPCC)

Maria Afonso Sancho disse...

Obrigadissima pela informação preciosa!
Apareça sempre.

Anónimo disse...

vou fazer o teste do feijão hoje espero q de cero pois ele esta trancado debaixo da minha pia e morro de medo vamos ve se da certo...

Kmyla disse...

Boa tarde, Sr. Matias trabalho em uma dedetizadora, estamos precisando de veneno organico ou natural, gostaria de saber mais sobre este assunto, como li no artigo o Sr. é consultor de pragas.
se uder entrar em contato meu email é kmylapamplona@hotmail.com
Grata.