quarta-feira, 16 de setembro de 2009

A minha primeira capa


Esta revista atravessou decadas informando as mulheres acerca das coisas do nosso universo.
Agora com a crise estas tradicionais habilidades femininas voltam a ser valorizadas.
A "Modas e Bordados" foi dirigida por algumas mulheres notaveis. Nesta altura a directora era a Manuela Sousa Rama.
Esta reportagem foi fotografada por Alfredo Cunha em Março de 1974. Nessa altura eu ainda estudava na faculdade de medicina de Lisboa. Tinha começado a carreira profissional como modelo em Setembro de 1973.
Lembro-me de ter ficado muito surpreendida ao ver a minha foto publicada apesar da revolucao.
Tanta coisa tinha acontecido naqueles ultimos dois meses.
Eu tinha decidido ir para Belas Artes e estava a participar numa revolução. Com a natural ingenuidade dos anos que tinha.
Recordo que uma das minhas camaradas do MLM  (Movimento de Libertacao das Mulheres) e do PS (Partido Socialista) queria que eu deixasse de ser uma mulher objecto trabalhando como modelo e manequim. Apesar da jovem idade tive o bom senso de nunca o ter feito. Para que eh que eu vou deixar este trabalho em que me pagam muito e eu trabalho pouco?! Se eu o deixar fazem o mesmo com outra e nao adianta nada. --- pensei surpreendida. Assim posso estudar a fazer tudo o que quero sem ficar prisioneira de um emprego em que teria de trabalhar um mes inteiro para ganhar menos do que ganhava num unico dia.
Tive sempre muita gratidao por este trabalho pseudo-futil, que me permitiu financiar todos os estudos pioneiros que me apeteceram. Sem ter de me preocupar em ter um diploma para poder ganhar dinheiro, como tantos meus colegas da universidade se viram obrigados.
Engraçado verificar como esta moda esta muito actual para este ano. Ateh nos saltos dos sapatos. Nessa altura eu estava com o cabelo louro.
A Maria Joao Aguiar (a optima jornalista sucessora de Maria Leonor para fazer a locuçao e organizar as melhores passagens em Portugal) um dia avisou-me que eu andar sempre a mudar de loira para ruiva ou morena lhe complicaba muito classificar-me quando organizava os desfiles. Em geral eramos escolhidas pela cor dos cabelo e ela nunca sabia onde me por.
E as coreografias da encantadora Maria Leonor!
Que simples:
---Agora as meninas vao todas ocupar o palco todo e estejam com atencao, pois quando virem um espaço vazio façam o favor de o ocupar que senao fica muito feio para o publico.
E vendo estas fotos... afinal a minha filha eh mesmo muito parecida comigo.

5 comentários:

Mariana disse...

deve ser mt interessante falar consigo pois deve ter muitas historias interessantes para contar

;)bj

Anónimo disse...

http://saudeperfeitarfs.blogspot.com/2009/09/sera-que-voce-ja-esta-chipado.html
Ja tas?

Maria Afonso Sancho disse...

ola Mariana!
Que bom ler os seus comentarios aqui.
Tambem acho que nos podiamos divertir nesse tipo de conversas.
bj
M.

Maria Afonso Sancho disse...

Caro Anonimo
Que assunto assustador e nada a proposito.
Ou sera a proposito de revoluções?
Fixe-se nas coisas boas, por favor.
Abraço
M.

Mariana disse...

e eu adoro ouvir,mas tb gosto de falar he he principalmente das minhas paixoes: moda,arte,musica,viagens....

hoje em dia ja sao poucas as pessoas com quem pudemos ter uma conversa agradavel e interessante,eu estou sempre a aprender e adoro aprender,e muitas coisas aprendo a ouvir as pessoas com mais experiencia de vida,e elas tb aprendem algumas coisas comigo

bj